O que é preciso saber antes de Tunar Carro?

Tunar carro é uma prática que se popularizou muito ao redor do mundo. Hobbie para alguns e paixão para outros, as possibilidades para quem deseja personalizar o próprio automóvel são infinitas. Mas até onde as modificações são permitidas e valem a pena?

Veja neste artigo o que é preciso para tunar carro e decida se é interessante ou não fazer a personalização.

Conheça a legislação brasileira

Como motorista habilitado, obrigatoriamente, você precisou frequentar o CFC, o tradicional curso de formação para condutores que é aplicado quando vamos tirar a CNH. Neste curso nós conhecemos as principais leis de trânsito, como por exemplo: não ultrapassar em local proibido, respeitar limite de velocidade, não avançar o sinal vermelho, uso de setas, não dirigir alcoolizado, entre muitas outras.

Contudo, algumas leis em relação a tunar carro não são tão esclarecidas para os condutores. Logo, antes de equipar e personalizar seu veículo é aconselhado conhecer a legislação brasileira.

Por exemplo, em relação aos aparelhos de DVD e centrais multimídia, é extremamente proibido para os motoristas operá-los enquanto o carro está em movimento. Em relação aos equipamentos de som, também é proibido elevar o volume acima de muitos decibéis, logo, será que vale a pena tunar o carro nesse sentido?

Já para as pinturas, adesivos e películas que alterem mais de 49% da cor citada no documento do veículo, é necessário notificar os órgãos que regem o trânsito sobre isso, para não correr o risco de tomar multa. Outros dois pontos plausíveis de infração são os carros extremamente rebaixados ou com películas muito escuras nos vidros. Portanto, antes de modificar qualquer item do seu carro, consulte as leis do país, seu estado e município.

Ao tunar carro serão necessárias manutenções especiais

Se você alterar itens como o diâmetro das rodas e pneus, suspensão, potência do motor e presença de acessórios que consomem bateria rapidamente, o seu veículo precisará de cuidados especiais.

Rodas grandes e suspensões modificadas tendem a desgastar mais depressa, assim como um motor modificado consome mais combustível e tem a vida útil de algumas peças reduzida, por isso os mecânicos deverão conhecer um pouco sobre o tuning e você deverá ficar atento a esses detalhes.

Alto investimento e revenda especial

Apesar de muitos motoristas pensarem que ao tunar o carro o preço dele será elevado, normalmente, o mercado não valoriza ao extremo a presença de acessórios personalizados e modificações tuning. Logo, vender um carro tunado pode ser prejuízo garantido, tendo em vista o valor investido no carro e nas modificações.

A dica é buscar compradores interessados neste tipo de veículo, que apreciarão suas modificações e a negociação será mais justa.

Agora que você já sabe alguns detalhes sobre tunar carro, procure os melhores fornecedores e personalize seu veículo. Caso esteja procurando um modelo novo ou queria anunciar o seu, conte com a SóCarrão, presente no sul do Brasil e também na região sudeste!

Leia também: Compensa comprar carro fora de linha?

 

 

1 comentário sobre “O que é preciso saber antes de Tunar Carro?”

  1. Pingback: Como Conservar Seu Carro Antigo? - Dicas e notícias automotivas

Deixe uma resposta