Peugeot 408 Allure x Renault Fluence Dynamique

Motor e Performance

O Peugeot 408 conta com um motor 2.0 16 V Flex com injeção multi ponto. No 408, o câmbio é manual com cinco marchas e direção eletro-hidráulica. Em termos de potência, ele conta com 151 cavalos e torque de 22,0 kgfm a etanol e 143 cavalos e 20,0 kgfm a gasolina. A velocidade máxima fica em 212 km/h (gasolina) e seu consumo na cidade é de 10,0 km/l (na estrada 11,2 km/l).

O Renault Fluence tem um motor 2.0 16V Hi-Flex e injeção multipont séquentielle. Este modelo conta com uma transmissão manual de seis velocidades e direção elétrica.  A potência com gasolina fica em 140 cavalos e um torque de 19,9 kgfm. Com etanol, ele fica com 143 cavalos e torque de 20,3 kgfm. A velocidade máxima é de 200 km/h (gasolina) com consumo urbano de 6,9 km/l e na estrada de 10,1 km/l.

Conclusão do tópico – O Peugeot 408 tem maior potência com 151 cavalos (etanol) contra 143 cavalos (etanol) do Fluence. O consumo também é melhor no 408, principalmente na cidade.

Dimensões

Para o Peugeot 408 a altura fica em 1.519 mm, largura de 1.815 mm, comprimento de 4.690 mm e entre-eixos de 2.710 mm. O tanque tem capacidade para 60 litros. O porta-malas é amplo com 526 litros. O carro tem a capacidade de 5 ocupantes.

No Renault Fluence, a altura é de 1.470 mm, largura de 1.810 mm, comprimento de 4.620 mm e entre-eixos de 2.700 mm. O tanque tem a mesma capacidade de 60 litros do Peugeot. A capacidade de passageiros também é de 5 pessoas. O porta-malas aqui fica em 530 litros.

Conclusão do tópico – Aqui, vemos que o Peugeot é ligeiramente mais alto, sendo que nas outras medições os números se equivalem. O porta-malas do Renault é 4 litros maior em relação ao 408.

Principais Itens de Série

Peugeot 408 – Equipamento de som AM / FM com CD no painel CD Player com leitor de MP3 (seis alto-falantes, entrada auxiliar e bluetooth), airbag dianteiro para motorista e passageiro, Travamento central remoto e sensível à velocidade, ajuste na altura nos bancos dianteiros, três apoios de cabeça com ajuste na altura nos bancos traseiros, Faróis de neblina, acabamento de luxo com alumínio e couro na alavanca de câmbio, espelho de cortesia iluminado para motorista e passageiro, piloto automático, quatro freios à disco com dois discos ventilados, limitador de velocidade, distribuição eletrônica de frenagem EBD, rodas de liga leve aro 16, ar condicionado com saída traseira e automático,

Renault Fluence – Rádio(CD, MP3, conexão USB e iPod, entrada auxiliar Bluetooth), rodas de liga leve aro 16, volante com revestimento em couro, grade dianteira com detalhes cromados, interior na cor preta com detalhes cromados, ponteira de escapamento cromada, sistema Car (trava portas automaticamente e o porta-malas a partir de 6 km/h), airbags frontais e laterais, freios ABS com auxílio de frenagem de urgência (AFU) e distribuição eletrônica de frenagem (EBD), cintos de segurança traseiros laterais e central de três pontos, faróis de neblina, dois apoios dianteiros e três apoios de cabeça traseiros (reguláveis em altura), alarme perimétrico, piloto automático (controlador e limitador de velocidade de cruzeiro), ar condicionado digital Dual Zone (saídas de ar traseira), sensor de chuva e acendimento automático dos faróis, computador de bordo.

Conclusão do tópico – Os equipamentos de série se equivalem, com ligeira vantagem para os itens do Renault Fluence.

Preço dos modelos (sugerid

o)

Peugeot 408 – R$ 62.990,00.

Renault Fluence – R$ 65.790,00.

Levando em consideração o conjunto da obra, principalmente pela motorização e consumo, o Peugeot parece ter um custo benefício melhor.

1 comentário em “Peugeot 408 Allure x Renault Fluence Dynamique”

  1. Testei os dois carros e fiquei com o Peugeot 408 na Versão Griffe e com motor turbo de 165 cavalos. Se a versão de entrada vence o Fluence, esta top de linha deixa o Renalt comendo poeira. Carro fantástico, pena que a Peugeot não investe em marketing, pois este carro é o melhor da categoria.

Deixe uma resposta