Preço dos carros nos EUA é menor, mas e a manutenção?

De vez em quando o preço alto que os brasileiros pagam nos carros acaba virando notícia. A situação faz muita gente ficar preocupada ainda mais quando há uma comparação com o mesmo modelo no exterior como, por exemplo, nos Estados Unidos, onde o mesmo carro é relativamente mais barato devido a alguns fatores como uma competitividade de mercado maior, eficiência na produção e claro, impostos menores. Porém, os carros por lá podem ser mais baratos, mas o mesmo não pode ser dito da mão-de-obra para a manutenção que costuma ter um preço muito salgado.

Se fizermos uma comparação com o Brasil em relação ao assunto, o valor da mão-de-obra cobrado nas concessionárias americanas é mais caro para os modelos de carros médios e fica de igual para igual nos modelos de luxo.

Vejamos os preços de alguns modelos para compreendermos melhor as diferenças:

Para um Ford Focus, nos EUA sai mais de R$220 uma hora de manutenção. No Brasil, para o mesmo carro, sairia por R$140. Quem tem um Corolla por lá vai desembolsar R$270 para que uma concessionária da Toyota faça o trabalho em uma hora. Aqui serão gastos R$180.

No caso dos carros de luxo, os preços são quase os mesmos. A manutenção de um Mercedes lá nos EUA custa cerca de R$340 e no Brasil é de R$350.

Como era de se esperar, a diferença salarial do mecânico também é gritante. Em média, nos Estados Unidos, esse profissional ganha mensalmente algo em torno de sete mil reais. No Brasil, o mesmo profissional deve se contentar com três mil. E outra: lá nos EUA o dinheiro em sua maior parte fica no bolso do trabalhador, haja vista os baixos encargos com tributos trabalhistas (na faixa dos 8,7%). No Brasil, podem acreditar, esses encargos podem chegar a até 57,56%.

Deixe uma resposta