Aditivo para sistema de arrefecimento: Como escolher?

Em um artigo recente aqui do blog da SóCarrão nós escrevemos sobre as válvulas, que são componentes permanentes dos motores dos veículos e servem para realizar a combustão do combustível e fazer o motor trabalhar.

Esse processo gera muita energia e altas temperaturas, por isso, o próprio motor tem o seu sistema de resfriamento para não sofrer danos severos.

Portanto, conheça a função do aditivo para sistema de arrefecimento e aprenda como escolher o seu.

Aprenda mais sobre o sistema de arrefecimento

O sistema de arrefecimento ou sistema de refrigeração, como foi dito acima, trabalha para regular e resfriar a temperatura dos motores a combustão. Além disso, em países com temperaturas baixas, o sistema também serve para não deixar o motor congelar no frio severo.

Dentre todos os seus componentes encontram-se: tubos, válvulas, radiador, bomba, conectores, sensores, válvulas e o líquido (que pode ser potencializado com aditivo para sistema de arrefecimento).

Função do aditivo para sistema de arrefecimento

O sistema de arrefecimento opera com um líquido, que tem contato com partes frias do motor, fazendo com que ele resfrie e opere em condições ideais. Logo, se usarmos apenas água no sistema, existe um grande risco de ela evaporar em pouco tempo, ou ainda, enferrujar e prejudicar o estado das peças internas do motor.

Então, o aditivo para sistema de arrefecimento serve para resfriar o motor, evitar atritos e desgastes entre as peças, aumentar a durabilidade delas, promover economia, diminuir a manutenção, diminuir consumo de combustível, minimizar a taxa de gases poluentes emitidos pelo motor e melhorar o desempenho do veículo.

Como escolher seu aditivo para sistema de arrefecimento?

Cada fabricante indica um aditivo para sistema de arrefecimento específico para seus veículos, por isso, a maneira mais segura e efetiva de você escolher o líquido é consultando o manual do proprietário do veículo.

Caso você não disponha dele ou queira variar, entenda que existem basicamente três tipos de aditivo para sistema de arrefecimento: IAT (Tecnologia Ácidos Inorgânicos), OAT (Tecnologia de Ácidos Orgânicos) e HOAT (Tecnologia de Ácidos Orgânicos Híbridos). Cada um deles tem suas funções, termos de uso, tempo de substituição e especificações, confira cada uma dessas informações nos rótulos e faça sua escolha!

Gostou do artigo de hoje? Aprendeu a função e como escolher o aditivo para sistema de arrefecimento? Se ficou alguma dúvida deixe nos comentários, aproveite e conheça os melhores modelos de veículos aqui na SóCarrão.

Leia também: http://revista.socarrao.com.br/geral/entenda-a-diferenca-entre-o-motor-16v-e-8v/

1 comentário sobre “Aditivo para sistema de arrefecimento: Como escolher?”

  1. Pingback: Entenda o mercado de revenda de carros usados | Dicas e notícias automotivas

Deixe uma resposta