Amortecedor recondicionado com certeza não é um bom negócio!

Na hora de trocar o amortecedor do carro, colocar uma peça recondicionada fica mais barato, porém, pode colocar em risco não somente o automóvel, como também a saúde dos passageiros. Afinal, é o amortecedor que mantém o contato do pneu com o solo, proporcionando estabilidade ao carro. A diferença de preço entre a peça original e a remanufaturada é considerável. Na loja Tecnicar, zona leste de São Paulo, o jogo original de amortecedores do Gol 2003, já instalado, é vendido por R$ 274, enquanto o recondicionado, também instalado, custa R$ 150, na loja Pneu Bom, na zona sul da cidade.

A economia pode ser ilusória. O amortecedor recondicionado, por ser uma peça usada, desgasta mais rápido os pneus, que ficam com menor aderência. Neste caso, o risco de derrapagem é maior.

Outra desvantagem é o serviço de garantia. A peça nova vem com 2 anos e meio de garantia, já a recondicionada, tem apenas seis meses.

Para o gerente de Engenharia, Serviços e Treinamento da Monroe, Nilton Tadeu Durães, os “‘recondicionadores’ somente limpam e repintam uma peça usada que, geralmente, apresenta problemas no seu funcionamento por estar gasta, elevando os riscos de acidentes e danos aos veículos”.

[Fonte: http://noticiasautomotivas.com.br]