Flexibilidade para aumento do IPI no Brasil

Foi divulgado no dia 17 de fevereiro pelo presidente Mauro Borges Lemos,da Agencia Brasileira do Desenvolvimento Industrial, que o IPI para carros importados a partir de março poderá estar mais flexível para o Brasil.

Novos projetos poderão vir com isenção do imposto, aumentado em 30% este ano sobre produtos industrializados, segundo a agência de notícias Bloomberg. “Estamos abaixo do nível tecnológico mundial e queremos uma modernização” afirma Lemos (presidente da ABDI).

Algumas montadoras como BMW e Jac Motors que ja confirmaram intenção de construir uma fábrica no Brasil, poderão ser contempladas com a flexibilidade no imposto. Segundo a Boomberg, todas as montadoras que se comprometerem abrir novas fábricas no País se beneficiarão com a revogação do imposto, que  ainda não foi confirmada.