Mercado: Luxo vende 60% mais este ano no Brasil

O mercado de carros de luxo no Brasil não tem crise ou tempo ruim. Os carros de luxo vendem tanto em qualquer época do ano.

Essa máxima é verdadeira, já que as vendas do segmento no país registram alta de quase 60% somente nos seis primeiros meses do ano.

Isso é conseqüência de uma menor influência da política, juros ou outros fatores que afetam sensivelmente o segmento mais popular do mercado.

Com o crescimento da economia, todas as classes sociais registraram crescimento em renda, fato observado de forma mais social nas classes C, D e E.

Mesmo assim, quem já tinha dinheiro, agora tem mais. E muitos desses consumidores anteriormente jamais poderiam ter um Audi, BMW, Porsche, Mercedes, enfim, marcas que por si só passam aquela qualidade e sofisticação que outros modelos no mercado podem oferecer.

Isso sem contar o status social que proporciona um carro de marca de luxo, transmitindo a ascensão social que aquele consumidor conquistou.

Mas não é somente a renda crescente dos consumidores que elevou as vendas de carros de luxo no Brasil. Montadoras como Audi, BMW e Mercedes-Benz, por exemplo, contribuíram para que os modelos de entrada ficassem de certa forma “mais baratos”, atingindo faixas de preço mais acessíveis ao consumidor em ascensão.

Outro fator que ajudou na redução de preços foi a diferença cambial do real em relação ao dólar, o que facilita ainda mais a entrada de produtos de luxo importados no mercado nacional.
Fonte:NA