Skip to main content
Home » No SóCarrão » Dicas » Dicas de direção defensiva para evitar acidentes

Dicas de direção defensiva para evitar acidentes

Direção defensiva é um conceito no qual o condutor se baseia para evitar o envolvimento em acidentes. Esse conceito é aplicado de maneira que o motorista antecipe ou evite situações de risco e, a partir de prévio estudo e prática, consiga escapar delas se preservando, preservando seu automóvel e as outras pessoas que estão no trânsito. Levando em conta o conceito de direção defensiva deve-se entender que acidentes não acontecem por acaso: eles são frutos da imperícia e/ou imprudência dos condutores. Assim sendo, seguem algumas dicas de direção defensiva:

1. Reduza a velocidade nas curvas

Uma das causas mais comuns de acidente reside na forma como os motoristas entram em curvas. Muitos motoristas, principalmente aqueles que já tem certo grau de experiência, entram nas curvas de maneira desatenta e sem reduzir a velocidade do automóvel. Em muitas das vezes que isso acontece, o motorista se vê forçado a frear no meio da curva.

Geralmente essa frenagem pode causar perda do controle do automóvel pela perda da aderência do veículo ao solo. Nessa situação o correto é dar pequenos toques no freio e corrigir a trajetória do carro. Assim não se perde o controle do automóvel.

2. Mantenha distância

Uma dica que é óbvia mas muito pouco respeitada pelos motoristas é a de manter a distância do veículo da frente. Tanto nas estradas quanto nas cidades, manter uma distância segura é essencial. Comumente, quando há engarrafamentos e os carros estão muito próximos, podem ocorrer engavetamentos (colisões sucessivas entre carros muito próximos e enfileirados).

O ideal nas estradas é manter-se 2 segundos atrás do automóvel da frente. Adote um referencial na estrada e assim que o carro da frente passar conte quanto tempo você leva para chegar ao referencial.

3.  Viaje com segurança

Sempre que for viajar faça revisão do seu carro. Muitos acidentes são causados nas estradas por falhas mecânicas. Assim, manter seu carro em dia é algo necessário para se ter uma boa viagem.

4. Não use farol alto em neblina

É terrível encontrar neblina durante a viagem. Porém, principalmente em serras e locais mais altos, é comum ter que lidar com esse problema durante uma viagem. A neblina nada mais é que uma nuvem, só que muito próxima ao chão. Ela é formada por água em vapor. O uso do farol alto provocará a reflexão e refração da luz por essas gotículas, podendo ofuscar a visão do motorista o que poderá gerar acidentes.

O ideal nessas ocasiões é o uso de um farol baixo. Também é importante manter a distância um pouco maior do carro à frente durante uma neblina e nunca usar o pisca alerta ligado enquanto se move pois isso pode causar uma sensação de que seu carro está parado para outros motoristas.

5.  Cuidado aos hábitos de direção

Certas manias e situações devem ser evitadas e corrigidas. Elas podem provocar danos ao automóvel e mesmo reduzir a reação do motorista em uma situação de emergência. Tais situações comuns são, por exemplo: manter a embreagem pressionada na subida para controlar o veículo provocando desgaste de peças, virar o volante com o veículo parado comprometendo o eixo do automóvel, andar com o combustível sempre na reserva prejudicando a injeção do automóvel, dirigir com o banco deitado ou com um braço para fora do automóvel o que atrasa reações rápidas, manter o pé apoiado na embreagem causando desgaste da peça, entre outros.

Com essas dicas você tem uma pequena visão de fatores importantes a serem considerados quando se dirige.

Compartilhar