Reliant Robin, o carro de 3 rodas feito do jeito errado

Quando pensamos em um carro, logo nos vem à imagem de um automóvel com quatro rodas. O que alguns não sabem é que no ano de 1973 foi produzido um veículo com apenas três rodas. O automóvel da empresa inglesa Reliant Motor Company, obteve um grande número de fãs na década de seu lançamento, devido ao baixo preço e peso de apenas 450 quilos. É um dos poucos modelos de três rodas já produzido, e vendeu uma quantidade considerável em todo planeta.

A idéia inicial era criar um veiculo de três rodas para inseri-lo na categoria de motocicletas. Dessa forma, seria possível pagar menos impostos pelo veículo. Isso não foi possível, já que era necessário possuir uma carta de habilitação própria para conduzir automóveis de quatro rodas.

O modelo MK1 Reliant Robin contava com um motor de 850cc. O preço baixo, o design e a crise de combustível na década de 1970 foram fatores importantes para o aumento de vendas.  O veículo conseguia percorrer vários quilômetros com apenas um litro de gasolina.

No ano de 1989, foi lançado o MK2 Reliant Robin repleto de melhorias. O modelo foi contemplado com rodas de doze polegadas, e novas opções de cores, que o deixou bastante atraente.  Foi considerado o modelo com o menor preço no mercado mundial.

Em 1999, foi lançado o MK3 Reliant Robin. O design foi aprimorado, havia uma maior quantidade de cores metálicas a disposição. Em 2000, a empresa anunciou que o modelo não seria mais fabricado. Cerca de 60 modelos especiais foram criados para comemorar o termino de produções, os mesmos possuíam: uma pintura metálica dourada, bancos com acabamento em couro, carpete vermelhos, rádio, teto solar e maçanetas cromadas. O modelo chegou às concessionárias com preço sugerido de dez mil euros.

O veículo é considerado como um marco histórico na Inglaterra. Mas, é considerado alvo de muitas piadas. O carro é considerado instável por muitos, já que possui apenas uma roda dianteira. Na Inglaterra, existe uma competição de corridas desses modelos, e não é difícil presenciar os mesmos capotando.

Confira a estabilidade do modelo:

Uma corrida de Robins:

Deixe uma resposta