O que é e como funciona o recall?

O que é recall?
O recall é um "chamado de volta" do veículo à fábrica para reparação de defeitos, principalmente aqueles que envolvem itens de segurança.

Por que eles são feitos?
Geralmente as montadoras fazem esse tipo de convocação quando detectam algum problema — como erro de projeto ou defeito de fabricação em componentes ou ainda falha na montagem do veículo-, que coloque em risco o automóvel ou seus ocupantes.

Como eles são feitos?
O recall costuma ser feito por meio de anúncios públicos -em rádios, TVs, jornais ou revistas – de forma a alertar aos clientes sobre a ocorrência. Em alguns casos, esses chamados são feitos por correspondência enviada diretamente aos proprietários dos veículos.

Quais são os tipos de recall?
Existem basicamente três tipos de recall. O mais simples deles, não chega a ser uma convocação: a fábrica aciona as revendas da rede, que fazem os reparos solicitados sem conhecimento do proprietário. Em geral a troca de peças ocorre quando o veículo é deixado na revenda para executar algum conserto em garantia. Outra forma de recall é quando o proprietário é convocado diretamente por correspondência. E, por fim, o recall público, quando o assunto envolve componentes de segurança do veículo.

Como saber se o veículo está incluído na convocação?
Nessas convocações são fornecidos o modelo e ano do carro, assim como a série de produção dos veículos sujeitos a defeitos, identificada pela numeração do chassi. Veja se o seu veículo figura entre os números de início e final dessas séries.

O que o dono do carro deve fazer?
Uma vez comunicado ou ciente da convocação, o dono do carro deve se dirigir o mais rápido possível a uma concessionária da marca para efetuar uma inspeção ou reparo no veículo. Antes, ele deve ligar para a revenda mais próxima de sua região e ver a necessidade de agendar o conserto.

O proprietário tem que pagar pelos serviços?
O conserto pode ser feito em qualquer revenda da marca, sem ônus para os clientes. Mão-de-obra e peças são fornecidos gratuitamente pela concessionária.

Qual é prazo para atendimento?
Em geral, as fábricas de automóveis dão um prazo máximo de até seis meses para os proprietários realizarem os reparos em seus veículos, após a comunicação oficial do defeito. Em alguns casos, esses prazos podem ser prorrogados.

Todos os proprietários são atendidos?
Apesar de o recall ser feito publicamente, nem todos os proprietários levam seus carros às revendas para ser reparados pela rede de serviços autorizados.

Quem ainda não fez o recall, como deve proceder?
Os proprietários que não tenham feito os reparos necessários devem entrar em contato com as centrais de atendimento de fabricantes ou importadores e se informar sobre como proceder ou agendar o serviço.
Fonte:Carsale