Troller T4 – jipe 4×4 com mecânica da Ford

Com engenharia brasileira (a Troller é de Santa Catarina), o Troller T4 ganhou mais espaço entre os eixos, ângulos aprimorados e nove opções de cores desde que a Ford comprou a fábrica. O motor 3.2 turbodiesel com cinco cilindros e potência de 200 cv, tornam-o um off-road com excelente relação peso/potência, muito forte para trilhas.

Para evitar surpresas no asfalto, é bom entender que este é um carro pesado, com centro de gravidade elevado, possibilitando vencer os limites que um 4×4 que se adequa muito bem também na cidade, não vence. Os acessórios de série são projetados para superar desafios em terrenos difíceis, não somente asfalto deformado. Para isso se fez a direção hidráulica muito suave.

Veja o que o carro traz em sua versão 2015:

  • 1966 mm de altura, 1977 mm  de largura e 4095 mm de comprimento
  • Tanque de 62 litros
  • Capacidade de porta-malas de 134 litros
  • 5 lugares e 3 portas.
  • Na mecânica, um câmbio manual de 6 marchas, tração 4×4, direção hidráulica, freios a disco sendo dois ventilados, suspensão dianteira e traseira tipo eixo transversal (beam) e dianteira com barra estabilizadora, roda tipo rígida e molas helicoidal, amortecedores hidráulicos de dupla ação, eixo flutuante e mais segurança na suspensão traseira com sistema anti-escorregamento Trac-lok. Todos fazem parte dos itens de série.
  • Outros itens de série da nova versão são os retrovisores das portas do motorista e passageiro com ajuste elétrico na cor preta, ar condicionado, transmissão manual com seis velocidades no assoalho com relação normal / reduzida manual, descansa braço dianteiro central, revestimento dos bancos em vinil, faróis de superfície complexa e lâmpada halógena, acabamento com imitação de alumínio no console central e nas portas e ABS.

O consumo real, fica na média de 8,8 km por litro na cidade e 11,9 km por litro na estrada.O Troller T4 foi apresentado pela primeira vez no Ceará na reinauguração da fábrica em 16 de julho de 2014. celebrando a expansão da marca no país.

Apesar de fornecer muito apoio ao seu motorista “aventureiro” o off-road se encaixa na categoria da legislação que não torna obrigatório o duplo airbag como item de série. Para quem se interessou nesta nova versão, os modelos estão disponíveis a partir de R$ 110.990,00.

Fotos de Emerson Candido (licença)

Deixe uma resposta