O que são carros híbridos e como funcionam?

Que a evolução automobilística foi grandiosa nos últimos anos não é segredo para ninguém: sistemas de direção de última geração, navegação inteligente, sistemas de partidas diferenciados, tecnologia de freios e airbags para proporcionar cada vez segurança ao condutor.

Mas não é apenas nisso, muito da parte não visível também evoluiu como os sistemas operacionais, performance dos motores e, acima de tudo, a forma com que o combustível é utilizado e como ele é preciso. Com isso, chegamos ao nosso assunto de hoje que são os tão falados carros híbridos. Mas afinal, o que são carros híbridos e o que os diferencia dos demais? Continue lendo e saiba mais sobre este assunto tão comentado nos últimos anos.

O que são os carros híbridos e como eles surgiram?

Muito se discute acerca da criação ou ano oficial da produção do primeiro carro híbrido no mundo. O que se sabe é que, de acordo com informações de alguns sites (inclusive neste link), o primeiro carro híbrido é de produção japonesa, diretamente da fábrica da Toyota em 1997. O modelo? Era o Prius (foto abaixo), carro que até hoje está em produção em várias versões. O Toyota Prius é produzido até hoje na sua versão híbrida, estando atualmente na sua quarta geração desde o ano de 2016.

o que sao carros híbridos - toyota prius

Falamos do primeiro carro híbrido mas, de fato, não falamos o que é. Bem , o carro híbrido é um veículo que funciona com duas fontes de energia para que haja funcionamento, não sendo muito convencional, porém ótimo para a redução da emissão de poluentes na atmosfera, considerado um carro ecologicamente sustentável. Pelo menos parte dele.

Um dos motores dos carros híbridos funciona à base de eletricidade, necessitando que suas baterias sejam recarregadas regularmente para que haja o funcionamento de algumas funções como toda a parte elétrica do carro, alguns sistemas inteligentes de frenagem e funcionamento básico de locomoção veículo. O segundo motor geralmente é de funcionamento através de combustão de etanol ou gasolina e, na maioria dos casos, é acionado para fazer com que o motor tenha mais torque/força. A ideia é combinar sempre estes dois motores para que haja um balanceamento e equilíbrio no consumo energético e sempre seja emitido o mínimo de partículas poluentes no nosso ar.

Como se carregam os carros híbridos?

O motor à base de combustível líquido, como etanol e gasolina, é da forma mais usual mesmo: em bombas dos postos de combustíveis. Já o motor elétrico dos carros híbridos podem ser carregados de algumas formas, dentre elas:

  • carregamento de bateria externa: que é quando retiramos a bateria do carro e plugamos em um aparelho para realizar o carregamento;
  • plug in: um cabo, como se fosse uma tomada normal, que plugamos em um totem de energia, ou mesmo em tomadas convencionais que adaptamos para isso.

Uma das desvantagens do carro híbrido é justamente a parte do carregamento, onde pode ser complicado adaptar uma tomada residencial para a amperagem de carregamento do carro ou mesmo encontrar postos de combustíveis que possuem o totem para carregamento.

Por exemplo, apesar do primeiro híbrido ter chegado no Brasil em 2010, o Mercedez Benz S400, a rede de combustíveis do Brasil ainda não está acompanhando a evolução tecnológica deste setor, visto que pouquíssimos postos de gasolina tem infraestrutura para carregar os carros híbridos ou mesmo os elétricos.

totem de carregamento de carros hibridos

Quais os tipos de carros híbridos?

Para entender o que são carros híbridos, precisamos saber também que há 3 tipos deles: o misto, o paralelo e o em série.

Começando pelo em série, este modelo tem como característica se locomover através do consumo da energia elétrica, cabendo ao motor de combustão apenas a geração e fornecimento de energia para o gerador (versão híbrida do nosso conhecido alternador) carregar a(s) bateria(s) do veículo.

Já o carro híbrido chamado paralelo é o tipo de veículo que se locomove com os dois motores, mas tem o motor movido por gasolina ou etanol como principal responsável por realizar o trabalho.

E por fim, mas não menos importantes, temos o híbrido misto é, nada mais nada menos, que a fusão das melhores qualidades dos dois tipos anteriores: o carro híbrido misto utiliza os dois motores, sempre balanceando o uso deles para alcançar o máximo de eficiência com a menor emissão de poluentes na atmosfera e também a maior autonomia possível. Um cálculo extremamente difícil, mas que nos últimos anos vem se provando ser cada vez mais de valor.

Quanto custa um carro híbrido?

Por ainda ter poucos incentivos e o custo de produção (ou importação em alguns casos) dos carros híbridos serem altos, não é muito barato ter um carro ecologicamente sustentável no Brasil ainda. Por exemplo, o Toyota Prius 2020 está na faixa dos R$128.000, tirando da faixa dos carros popualres bem acima da media de compra nacional, que é de R$73.000.

No entanto, a tendência é que os valores dos carros híbridos sejam cada vez mais acessíveis, visto que cada vez mais tem se falado em cuidar do meio ambiente e tornar o consumo cada vez mais sustentável. A prefeitura de São Paulo, por exemplo, assinou um tratado que devolve 50% (seguindo as diretrizes solicitadas que você pode checar aqui) do valor pago em IPVA de carros elétricos/híbridos aos seus donos, como forma de recompensar pela economia na emissão de poluentes.

Onde compro carros híbridos?

Você pode adquirir carros híbridos 0km em fabricantes como Toyota, Ford, Volkswagen, entre outras que já tem tecnologia e disponibilizam diversos modelos ecologicamente sustentáveis.

Mas também há algumas ofertas no SóCarrão que você pode checar e, quem sabe, começar a ajudar o meio ambiente em breve? Clique no link anterior e veja nosso estoque de carros híbridos.

Esperamos que tenha gostado deste artigo e, qualquer dúvida ou sugestão, pode nos enviar nos comentários!

Abraço da equipe SóCarrão!

Deixe uma resposta